Cães de Palha (1971)

 

 

Título original – Straw Dogs

 

É um dos filmes mais controversos, violentos e poderosos de sempre.

Sam Peckinpah assina. A sua obra máxima. Portanto…

Continuar a ler

Ouvem-se Tambores ao Longe (1939)

 

 

Título original – Drums Along The Mohawk

 

Um dos primeiros e mais belos filmes a cores e de John Ford.

Continuar a ler

Mogambo (1953)

 

 

John Ford decide refazer “Red Dust” (1932, já aqui visto).

Clark Gable regressa. Juntam-se-lhe duas grandes beldades.

E o resultado é bem quente.

Continuar a ler

Terra Abrasadora (1932)

 

 

Título original – Red Dust

 

Um ardente par num filme mais ardente ainda.

Continuar a ler

Orquídea Selvagem (1989)

 

 

Título original – Wild Orchid

 

Mickey Rourke e Zalman King regressam ao drama erótico, agora num cenário exótico – o Brasil.

Três grandes beldades estão em campo.

Teremos erotismo selvagem?

Continuar a ler

Perfeição (1985)

 

 

Título original – Perfect

 

A ginástica aeróbica ganhou boa fama nos 80s, muito por culpa de Jane Fonda.

Eis um filme sobre tal.

Com um par sexy.

Continuar a ler

Pecado Original (2001)

 

 

Título original – Original Sin

 

O romance “Waltz Into Darkness”, escrito por William Irish (pseudónimo de Cornell Woolrich), tinha sido levado ao Cinema por François Truffaut com o excelente “La Siréne du Mississippi” (1969; já aqui visto).

Alguém achou que seria fixe fazer uma nova adaptação. Mais escaldante.

Há protagonistas para tal – Antonio Banderas & Angelina Jolie.

Vai esta nova versão ser um pecado ou uma sereia?

Continuar a ler

Moldura Negra (1960)

 

 

Título original – Portrait in Black

 

Elenco grandioso num drama familiar pleno de interesses… criminosos.

Continuar a ler

Deep Water (2022)

 

 

Regresso de Adrian Lyne à dinâmica do casal, com um par excitante.

Continuar a ler

Eaux Profondes (1981)

 

 

O cinema francês sempre gostou de romance e amour.

O cinema francês sempre gostou de histórias sobre relações sentimentais e matrimoniais.

O cinema francês sempre gostou de Patricia Highsmith.

Eis um filme sobre tudo isso.

Mas perverso.

Continuar a ler