Os Quatro Filhos de Katie Elder (1965)

 

 

Título original – The Sons of Katie Elder

 

Western pela mão de um realizador veterano do geénero, com um elenco igualmente dado à coboiada.

Continuar a ler

O Profissional (1981)

 

 

Título original – Le Professionnel

 

Jean-Paul Belmondo está em grande nesta combinação de actioner e spy thriller.

Continuar a ler

Danger UXB (1978)

 

 

Série dramática em ambiente de guerra, focando um lado do conflito pouco explorado e original.

Continuar a ler

O Corcunda (1997)

 

 

Título original – Le Bossu

 

“Le Bossu” (1959; já aqui visto) já tinha ganho um (merecido) estatuto de clássico.

Mesmo assim, decidiu-se avançar com uma nova versão.

Estão lá nomes competentes e até se consegue fazer algo de diferente e mais complexo.

Continuar a ler

O Corcunda (1959)

 

 

Título original – Le Bossu

 

Três grandes nomes do Cinema francês e popular reúnem-se para um grande momento de cape e d`épée.

Continuar a ler

A Túlipa Negra (1964)

 

 

Título original – La Tulipe Noire

 

Alain Delon andava a mover-se por muitos filmes artísticos, pela mão de grandes cineastas – “A Plein Soleil” (1960, de René Clement), “Rocco e i suoi Fratelli” (1960, de Luchino Visconti), “L’Eclisse” (1962, de Michelangelo Antonioni), “Il Gattopardo” (1963, de Luchino Visconti).

Era momento de se mover por um Cinema mais popular (por onde já tinha começado em 1963, com “Mélodie en sous-sol”, de Henri Verneuil, ao lado de Jean Gabin).

Assim sendo, ei-lo como heróico protagonista de um grande momento de Cape et d`Épée.

Continuar a ler

Marlowe (2023)

 

 

Philip Marlowe é um dos maiores Private Detectives de sempre.

Raymond Chandler fez dele uma feliz criação literária, assegurou o seu nome entre os grandes escritores do Harboiled Noir, criou um conjunto de obras essênciais no género (“The Big Sleep”, “The Lady in the Lake”, “Farewell, My Lovely”, “The Long Goodbye”) e deixou Marlowe entre os grandes detectives.

Cinema, Televisão, Teatro radiofónico e Comics não tardaram a interessar-se. E vieram grandes títulos (alguns deles a terem remake).

Marlowe viu-se a ser interpretado por vários, grandes, talentosos e populares actores – Dick Powell (o favorito de Chandler), Robert Montgomery (num corajoso exercício cinematográfico de câmara subjectiva), George Montgomery, James Garner, Elliott Gould (numa corajosa e arriscada modernização do personagem), Powers Boothe (numa muito agradável série televisiva), Robert Mitchum (interpretou-o em dois filmes – mas não relacionados) e Humphrey Bogart (o mais icónico, que até o interpretou ao lado da sua esposa Lauren Bacall).

Liam Neeson, grandioso actor, junta-se agora a essa distinta galeria e tenta dar algo de novo a Marlowe.

Continuar a ler

Que Fizeram a Solange? (1972)

 

 

Título original – Cosa Avete Fatto a Solange?

Título internacional – What Have You Done to Solange?

 

Massimo Dallamano vai ao Reino Unido fazer um Giallo.

Continuar a ler

Sete Orquídeas Manchadas de Sangue (1972)

 

 

Título original – Sette Orchidee macchiate di Rosso

Título internacional – Seven Blood-Stained Orcihids

 

Umberto Lenzi em mais um Giallo.

Continuar a ler

O Comboio das 3 e 10 (2007)

 

 

Título original – 3:10 to Yuma

 

“3.10 to Yuma” (1957; já aqui visto) já tinha (bom) estatuto.

Alguém decidiu fazer uma nova versão.

Tal como o original, também aqui temos um duelo de fogo com dois excelentes actores.

Continuar a ler