Pecado e Redenção (1954)

Rogue Cop - Poster 9

 

Título original –Rogue Cop

 

Bom elenco num policial sobre corrupção.

Continuar a ler

Harper, Detective Privado (1966)

Harper - Poster 1

 

Título original – Harper

 

Ross MacDonald é um dos grandes Mestres da literatura Hardboiled Noir.

Muitos vêem o triângulo essencial do género composto por ele, Dashiell Hammett e Raymond Chandler. Muitos vêem em MacDonald o herdeiro de Chandler (embora este nunca tenha gostado da ideia).

Lew Archer é a sua grande criação. Archer é um detective jovem, energético, idealista, mas de olhar crítico e moral sobre o mundo.

O Cinema nunca o poderia ignorar.

Os 60s fazem (e bem) uma reformulação e modernização dos códigos do Noir.

Archer era perfeito para tal.

Continuar a ler

Halloween H20: O Regresso (1998)

Halloween - H20 - Poster 1

 

Título original – Halloween H20: 20 Years Later

 

“Halloween” celebrava 20 anos.

Era mesmo necessário um filme que celebrasse tal (da melhor forma).

Semi-reset à saga (continua-se a partir de “H2”) e Jamie Lee Curtis regressa.

Objectivo? Concluir a saga.

Continuar a ler

Príncipe Valente (1954)

Prince Valiant - Poster 3

 

Título Original – Prince Valiant

 

O Príncipe Valente é uma das grandes criações de bd, na sua Golden Age.

Claro que o Cinema se interessaria por ele.

O veterano Henry Hathaway dirige, com um óptimo elenco em cena.

Continuar a ler

Acto de Violência (1948)

Act of Violence - Poster 1

 

Título Original – Act of Violence

 

Fred Zinnemann tem o seu nome associado a grandes melodramas.

Mas também mostrou o seu talento noutros géneros.

Ei-lo a passear-se pelo Film Noir, com laivos de suspense.

Continuar a ler

Quem Era Aquela Garota? (1960)

Who Was That Lady - Poster 1

 

Título original – Who Was That Lady?

 

Valente trio de comediantes – Janet Leigh, Tony Curtis e Dean Martin.

Todos sabemos quem é quem. Portanto, há boas razões para boas gargalhadas.

Continuar a ler

Psycho

Psycho - Poster 1Na semana passada chegava às salas “Hitchcock”, que focava as filmagens de “Psycho”.

Eis este clássico de volta, num gesto de agradecida cinefilia. Estreia hoje, em cópia digital e restaurada.  Continuar a ler