Peter Bogdanovich (1939-2022) – RIP

 

 

2022 começa com mais um triste Long Goodbye no Cinema.

Despedimo-nos do grande Peter Bogdanovich.

 

Peter Bogdanovich nasce em Kingston, Nova Iorque, em Julho de 1939.

 

Desde muito cedo desperta paixão pelo Cinema.

Aos 12 anos já colecciona as suas opiniões sobre os filmes que vê.

Estuda representação e chega a participar numa peça teatral do New York Shakespeare Festival, em 1975.

 

Mas Bogdanovich começa a mostrar mais interesse na realização.

Um dos primeiros passos é nos palcos, ao encenar “The Big Knife”, na Broadway. A peça é um sucesso.

 

Escreve também críticas e move-se para Hollywood.

Ganha o interesse de Roger Corman, que o chama para escrever “The Wild Angels” (1966). Bogdanovich acaba por ajudar na realização do filme, que é um enorme sucesso.

Corman chama-o para realizar “Targets” (1968, com Boris Karloff), um muito curioso suspense sobre o duelo entre uma movie star do terror e um sniper assassino.

“The Last Picture Show” (1971) é que deixa mesmo o seu nome no mapa.  Grande sucesso público e crítico, ganha também diversas nomeações aos Oscars (vence duas – “Melhor Actor Secundário” e “Melhor Actriz Secundária”, para Ben Johnson e Cloris Leachman, respectivamente). É um belíssimo filme sobre o poder de uma sala de Cinema numa pequena comunidade. É aqui que Bogdanovich conhece o seu grande amor – Cybil Shepherd.

“What’s Up, Doc?” (1972, com Barbra Streisand e Ryan O’Neal) mostra Bogdanovich a homenagear Howard Hawks (“Bringing Up Baby”) e a screwball. “Nickelodeon” (1976, com Ryan O’Neal e Burt Reynolds) põe Bogdanovich a ilustrar os tempos do mudo e do burlesco.

“Paper Moon” (1973, com a filha Tatum O’Neal, Ryan O’Neal e Madeline Kahn) é um lindo exercício a preto-e-branco e um adorável filme. Tatum é imensamente elogiada e premiada, bem como o filme.

“Daisy Miller” (1974) é toda uma ode ao Amor e ao de Peter Bogdanovich por Cybill Shepherd. O filme é (injustamente) arrasado.

“At Long Last Love” (1975, com Burt Reynolds, Cybill Shepherd e Madeline Kahn), “Saint Jack” (1979, com Ben Gazzara), “They All Laughed” (1981, com Audrey Hepburn e Ben Gazzara) – todos cumprem e confirmam o talento de Bogdanovich.

“Mask” (1985, com Cher) trá-lo de volta a prémios e elogios

“Texasville” (1990, com Jeff Bridges, Cybill Shepherd e Timothy Bottoms) revisita o depois de “The Last Picture Show” e o resultado é igualmente belo e sentimental.

Move-se pela Televisão e assina diversos documentários que fazem parte dos extras (das edições DVD e Blu-Ray) de muitos clássicos do Cinema.

 

“The Cat’s Meow” (2001, com Kirsten Dunst e Cary Elwes) e “She’s Funny That Way” (2014, com Imogen Poots, Owen Wilson e Jennifer Aniston) mostram que Bogdanovich ainda sabia fazer comédia clássica e com nível cinéfilo.

Foi activo divulgador da obra de John Ford, Howard Hawks e Allan Dwan.

Recebeu atenção dos “Cahiers du Cinema”, principalmente de François Truffaut.

Teve nomeações e vitórias nos Oscars.

Ia realizar “Duck, You Sucker!” (1971). Sergio Leone só ia escrever e produzir, mas Bogdanovich teve receio de dirigir uma produção tão grandiosa.

Recusou realizar “The Godfather” (1972, de Francis Ford Coppola) e “Chinatown” (1974, de Roman Polanski).

Andou por diversos e importantes festivais de Cinema, sendo premiado nalguns.

Foi membro do júri em Veneza 1981 e 1992.

Era quase sempre visível com um lenço de pescoço.

“Red River” (1948, de Howard Hawks) era o seu filme preferido quando criança.

Peter Bogdanovich era um magnífico divulgador e historiador de Cinema, bem com um excelente realizador, versátil, sempre preocupado com os argumentos, actores e tom dos filmes.

 

Perde-se um grande cinéfilo e realizador.

 

So Long, Peter.

Teremos sempre muitos Picture Shows graças a ti.

 

Evocação

 

Trailers

 

Peter Bogdanovich sobre a sua carreira

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s