A Vida Extraordinária de David Copperfield (2019)

 

Título original – The Personal History of David Copperfield

 

Charles Dickens é um dos maiores escritores de sempre.

Os seus contos são eternos, a prosa é poderosa e a mensagem é sempre pertinente.

Cinema e Televisão revisitam sempre muitas das suas obras.

“David Copperfield” é a obra favorita de Dickens e uma das mais adaptadas.

Eis uma nova versão.

 

David Copperfield é orfão a e vida tem-lhe sido dura e cruel.

Mas David não desiste de encontrar algo de melhor na sua vida.

Apesar de se cruzar com muita gente má, conhece também muita disposta a ajudá-lo.

A história é praticamente a que Charles Dickens (tão bem) contou.

Recebe um tratamento visual original (David conta a sua história e acompanha os eventos quase como uma reportagem), o que marca a diferença face às anteriores adaptações (e há muito boas).

Excelentes valores de produção.

Realização criativa.

Óptima prestação do elenco.

Tal como o recente (e igualmente maravilhoso) “Little Women”, esta nova adaptação de “David Copperfield” mostra que o cinema moderno (tão modernaço na sua tecnologia) tem espaço (e não é incompatível na sua tecnologia) para os grandes clássicos da Literatura, mostrando que com inteligência e talento (atrás e à frente das câmaras), as adaptações podem ser “modernaças”, actuais, ter algo para dizer à sociedade de hoje e ser pertinentes sobre muitos dos problemas (e soluções) de hoje.

Uma belíssima nova adaptação de um clássico eterno, universal e intemporal, divertida e muito adaptada aos gostos modernos.

 

Muito recomendável.

 

“The Private History of David Copperfield” andou pelas nossas salas (já com atraso).

Já existe noutros mercados.

Realizador: Armando Iannucci

Argumentistas: Armando Iannucci, Simon Blackwell, a partir do romance de Charles Dickens (“David Copperfield”)

Elenco: Dev Patel, Peter Capaldi, Hugh Laurie, Tilda Swinton, Ben Whishaw, Benedict Wong

 

Site

https://www.searchlightpictures.com/thepersonalhistoryofdavidcopperfield/

 

“Melhor Filme”, no Festival de Boulder 2020.

“Melhor Argumento”, “Melhor Actor Secundário” (Hugh Laurie), “Melhor Elenco”, “Melhor Guarda-Roupa”, “Melhor Cenografia”, nos British Independent 2019.

“Melhor Argumento”, na London Film Week 2019.

Filmado em Kingston Upon Hull, Yorkshire.

As cenas no teatro foram filmadas no Theatre Royal, em Bury St Edmunds.

 

O Angel Hotel, em Bury St Edmunds, Suffolk, é visto no filme. Charles Dickens ficou lá hospedado e o seu romance “The Pickwick Papers” tem muita da sua acção lá localizada.

 

O ilusionista David Copperfield (de nome verdadeiro David Seth Kotkin) adoptou esse nome artístico inspirado pelo título do romance de Dickens. David gostou da forma como o nome soava.

 

Sobre Charles Dickens:

https://www.charlesdickensinfo.com

https://www.britannica.com/biography/Charles-Dickens-British-novelist

https://www.biography.com/writer/charles-dickens

http://www.bbc.co.uk/history/historic_figures/dickens_charles.shtml

https://www.goodreads.com/author/show/239579.Charles_Dickens

https://www.gettyimages.pt/fotos/charles-dickens?mediatype=photography&phrase=charles%20dickens&sort=mostpopular

 

Charles Dickens em Portugal:

https://relogiodagua.pt/autor/charles-dickens/

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s