Waterworld (1995) – 25 Anos

 

No Futuro, a Terra está praticamente coberta de água, pelo derretimento dos pólos e gelo.

Um humano híbrido (consegue respirar também debaixo de água) procura levar um grupo de sobreviventes a uma terra prometida – um pedaço de terra, algures, que ainda se mantém acima do nível da água.

 

Era, na época, a mais cara produção cinematográfica de sempre (175 milhões de Dólares) – muito foi causado pelo (imenso) caos logístico durante as filmagens (argumento em constantes mudanças, as complicações de filmar no mar, o realizador foi embora e a main star ficou com o cargo).

Tudo se traduz num espectacular actioner sci-fi, belíssimamente fotografado, com incríveis stunts, um fantástico uso do mar e um admirável trabalho de cenografia (o atoll em pleno oceano), com capacidade ecologista (é aquilo que vai acontecer ao Planeta Azul, se não houver uma mudança).

E tudo ainda em moldes old school (practical effects) numa altura em que o CGI já estava implementado e dominava o género.

 

Um pequeno clássico.

 

 

Trailer

 

 

Clips

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s