The Hurt Locker (2009) – 10 Anos

 

Iraque. O dia-a-dia de uma brigada de desactivação de explosivos, cujo líder lida com a função como se fosse uma “diversão”.

 

“Reportagem” sobre a guerra e os seus efeitos, mas quando esta se torna um vício e um “desporto” para os que lá combatem.

Set pieces que são bombas de suspense (a tensa cena de abertura, a insustentável cena das bombas na mala do carro) e adrenalina (a assustadora cena com o cadáver-bomba).

Final com impacto, deixando as reflexões para o espectador.

 

Jeremy Renner em início de carreira e a brilhar, a mostrar que merecia oportunidades em blockbusters (o que acabou por acontecer).

 

Kathryn Bigelow volta ao universo masculino, filmando homens e virilidade máscula, mas também emoções.

Bigelow voltaria ao actioner documental – “Zero Dark Thirty” e “Detroit”.

 

Surpreendente (e merecida) vitória nos Oscars, com Kathryn Bigelow a ser a primeira mulher a sair como “Melhor Realizador(a)”.

 

Um clássico moderno.

 

 

Trailer

 

 

Clips

 

 

Featurette

 

 

Kathryn Bigelow e Mark Boal sobre o filme

 

 

The Hurt Locker nos Oscars

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s