Valerian e a Cidade dos Mil Planetas (2017)

Valerian and the City of a Thousand Planets - Poster 13

 

Título original – Valerian and the City of a Thousand Planets

 

É o regresso de Luc Besson.

À Sci-Fi.

 

Valerian e a sua amada Laureline vêem-se envolvidos numa conspiração que pode afectar o Universo.

Valerian and the City of a Thousand Planets - screenshot 1

A BD criada por Pierre Christin & Jean-Claude Mézières é das mais notáveis do meio e de sempre.

Inovou, revolucionou, marcou e ganhou estatuto (de culto) pela sua estética, narrativa, ambientes, personagens, criaturas diversas, a dinâmica sensual/sexual dos protagonistas, tudo embrulhado em tom de Space-Opera clássica.

Valerian and the City of a Thousand Planets - screenshot 3

Luc Besson é grande fã da saga e já mostrou o que ele sabe fazer no campo da Sci-Fi (o delirante e deslumbrante “The Fifth Element” – que bem poderia ser uma aventura de Valerian e Laureline).

Valerian and the City of a Thousand Planets - screenshot 4

Valerian and the City of a Thousand Planets - screenshot 5

Pois bem, Besson pega em todo o seu amor pela bd e em todo o seu know-how e faz mais um delírio visual.

Valerian and the City of a Thousand Planets - screenshot 6

O filme traz a reputação de ser a produção francesa (embora seja em co-produção com diversos países) mais cara de sempre e tal informação não é apenas (boa) publicidade – o filme ilustra luxo, deslumbre, empenho, competência, espanto, prodígio, tecnologia de alto nível e encanto em todos os fotogramas.

Valerian and the City of a Thousand Planets - screenshot 8

Besson dá ao filme um tom, ritmo e estética de bd (nomeadamente aquela em que se inspira), deixando sempre o espectador de queixo caído (perante o assombor visual à sua frente) e com a adrenalina a ferver (as incríveis cenas de acção).

Valerian and the City of a Thousand Planets - screenshot 9

Só é pena que o argumento seja algo simples (demais) e os personagens não tenham a dimensão do espectáculo visual.

Valerian and the City of a Thousand Planets - screenshot 12

A fotografia é viva e cheia de cor, os decors são ricos em detalhe, as criaturas são imensas e diversificadas (atenção ao animalzinho que cativa tanto interesse dos personagens – um prodígio de design e animação, tão ternurento que o queremos levar para casa), a música é electrizante e elegante, os efeitos visuais são um deslumbramento constante.

Valerian and the City of a Thousand Planets - screenshot 13

Dane DeHaan e Cara Delevingne saem-se bem e revelam boa química, quase ao nível dos seus equivalentes na bd.

Valerian and the City of a Thousand Planets - screenshot 14

Besson dirige com competência, bom gosto e entusiasmo, sem dar tréguas em matéria de ritmo, acção e espectáculo.

Valerian and the City of a Thousand Planets - screenshot 11

A melhor Space-Opera desde “John Carter (of Mars)” (2012).

O melhor filme de Besson desde “The Fifth Element” (1997).

 

Um excelente tributo a uma bd relevante, que se traduz num magnífico exemplar de Space-Opera.

 

Obrigatório.

A ver na melhor sala que se possa encontrar, com o maior ecran possível, com um bom sistema de som.

 

“Valerian and the City of a Thousand Planets” já está nas nossas salas.

Valerian and the City of a Thousand Planets - screenshot 7

Realizador: Luc Besson

Argumentista: Luc Besson, a partir da graphic novel de Pierre Christin & Jean-Claude Mézières

Elenco: Dane DeHaan, Cara Delevingne, Clive Owen, Rihanna, Ethan Hawke, Rutger Hauer, John Goodman, Mathieu Kassovitz, Elizabeth Debicki, Herbie Hancock, Alain Chabat

 

Site – http://valerianmovie.com

 

Orçamento – 177 milhões de Dólares

Bilheteira (até agora) – 36 milhões de Dólares (USA); 65 (mundial)

 

Valerian and the City of a Thousand Planets - Poster 3

Baseado na BD de culto, franco-belga, criada por Pierre Christin e Jean-Claude Mézières.

Valerian and the City of a Thousand Planets - backstage 3

Luc Besson é grande fã da bd desde a sua infância.

Besson quis fazer a adaptação cinematográfica em Inglês, no sentido de conseguir chegar a um público mais vasto.

Besson recusou filmar em 3-D – as câmaras são muito pesadas e não permitem a agilidade que Besson pretende para certos ângulos.

 

Efeitos digitais por duas lendas do meio – Weta Digital e Industrial Light & Magic. É a quinta vez que as duas companhias se encontram – “Contact” (1997), “Van Helsing” (2004), “Eragon” (2006) e “Avatar” (2009) foram os filmes anteriores.

 

É o filme francês mais caro de sempre.

O filme mostra 200 espécies diferentes de alienígenas. Besson fez um livro de 600 páginas a ilustrar todos os detalhes.

Perante a dimensão do orçamento, diversos sectores também alcançam grande números:

  • 6000 páginas de storyboards.
  • 2547 planos com efeitos visuais.
  • 2206 pessoas no cast & crew.
  • 600 peças de roupa.
  • 100 dias de filmagens.
  • 80 câmaras para a performance-capture.
  • 65 decors.
  • 7 sets ocupados na Cité du Cinéma.

 

Cameos de três protégées de Besson – Gerard Krawczyk (“Taxi”), Louis Leterrier (“Transporter 2”) e Olivier Megaton (“Taken 2”).

 

Natalie Portman (actriz revelada por Besson em “Léon”) fez uma visita-surpresa ao set.

Valerian - Comics & Film Comparison

O filme estreia no ano em que a bd celebra 50 anos.

Valerian - Comics - 1

Valerian - Comics - 3

Valerian - Comics - 4

Sobre a BD:

https://www.bedetheque.com/serie-174-BD-Valerian.html

http://www.dargaud.com/bd/Valerian/Valerian

http://www.dargaud.com/bd/Valerian

http://www.dargaud.com/bd/Valerian/Valerian-Integrales

 

Valerian - Comics - 2

O jornal “Público” está a editar a colecção:

https://www.publico.pt/Valerian

 

Valerian and the City of a Thousand Planets - Poster 14

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s