David Bowie – RIP (1947-2016)

David Bowie - Photo 1

2016 começa com um triste Long Farewell a uma das figuras mais fascinantes, estranhas, visionárias e geniais da Arte do Século XX – David Bowie.

Bowie deixa um impressionante legado no mundo da Música.

Mas Bowie também tem uma forte ligação ao Cinema.

 

Nasce em Londres, em 1947, com o nome de David Robert Jones.

(David mudaria para Bowie, no sentido de evitar confusões com Davy Jones, o líder dos The Monkees).

Fica fascinando pelo rock’n’roll americano dos 50s e aos 11 anos já toca em bandas.

Estuda Arte, Música e Design, ganhando gosto pelo Jazz.

David Bowie - Photo 2

O seu primeiro álbum (“David Bowie”) chega em 1967. Mas o sucesso só chega em 1969 com o mítico “Space Oddity”.

Os álbuns seguintes consolidam o seu nome, estilo e talento – “The Man Who Sold The World” (1970), “The Rise And Fall Of Ziggy Stardust And The Spiders From Mars” (1972), “Young Americans” (1975), “Heroes” (1977).

bowie, david_k2_22

Bowie mostra-se um verdadeiro cameleão de palco nos seus concertos.


David Bowie - The Man Who Fell to Earth

Em 1976 surge a sua primeira participação no Cinema – “The Man Who Fell To Earth”, de Nicholas Roeg.

O gosto pela Sétima Arte continua – “Merry Christmas, Mr Lawrence” (1983), “The Hunger” (1983, o primeiro filme de Tony Scott, ao lado de Catherine Deneuve e Susan Sarandon), é Pilatos em “The Last Temptation of Christ” (1988, de Martin Scorsese, ao lado de Willem Dafoe e Barbara Hershey).

Recusa ser um vilão de James Bond em “A View To A Kill” e aceita ser uma misteriosa criatura em “Labyrinth” (1986, de Jim Henson).

Aparece em “Absolute Beginners” e dá a canção-título do filme.

Vêmo-lo dirigido por David Lynch em “Twin Peaks: Fire Walk With Me” (1992). Interpreta Andy Warhol em “Basquiat” (1996).

Dá voz a Maltazard em “Arthur and the Minomoys”, de Luc Besson.

A sua última performance para o Cinema foi em 2006, como o futurista da electricidade Nikola Tesla em “The Prestige”, dirigido por Christopher Nolan, ao lado de Christian Bale, Hugh Jackman e Scarlett Johansson.

David Bowie - Labyrinth

MBDHUNG EC003

Bowie deixa uma continuidade em Cinema – um dos seus filhos, Duncan Jones, tem-se revelado um dos mais interessantes realizadores da actualidade, principalmente no campo da sci-fi (“Moon”, “Source Code”; está de regresso este Verão com a adaptação cinematográfica do jogo “Warcraft”).

 

Declara-se bissexual em 1972.

Nos 70s vence uma luta contra a heroína, que o estava a deixar dependente.

(a canção “Ashes to Ashes” aborda tal momento da sua vida)

Em Junho de 2004, Bowie sofre um ataque cardíaco e retira-se temporariamente da vida dos palcos.

Era Grande amigo de Freddie Mercury e Elton John.

David Bowie - Photo 7

95c38/huch/1788/4

94174688_DBowie-04

Várias revistas o consideram com um dos maiores artistas de sempre.

Ganhou imensos prémios.

Cantou ao vivo com outras lendas da música – Queen, Mick Jagger, Iggy Pop, Tina Turner, Annie Lennox e até Bing Crosby.

David Bowie - Photo 3

As suas canções podem sem ouvidas em diversos filmes e séries televisivas – “The Hunger”, “Fame” (série televisiva), “The Falcon and the Snowman”, “Absolute Beginners”, “Cool World”, “Cat People” (o remake 1981), “Trainspotting”, “Moulin Rouge”, “Lord of War”, “Arthur and the Minimoys”, “Life on Mars (série televisiva), “Adventureland”, “The Runaways”, “Inglourious Basterds”, “The Perks of Being a Wallflower”, “American Horror Story” e, mais recentemente, “The Martian”.

David Bowie - Photo 10

Na Sexta-Feira passada, Bowie lançou o seu mais recente álbum – “Blackstar”

 

Bowie foi um artista completo.

Cantava, escrevia, interpretava.

Era um verdadeiro camaleão.

Desafiou, mudou e quebrou convenções e tabus.

Fez Arte com a sua música, os seus concertos e os seus videoclips.

 

É/foi/será (sempre) um verdadeiro visionário, naquilo que era possível na combinação de Arte, Música, Encenação e Espectáculo.

David Bowie - Photo 9

Goodbye David.

Seremos todos Heroes, nem que seja por um dia.

 

 

Site de David Bowie

http://www.davidbowie.com/

 

Um historial da sua carreira cinematográfica

http://www.empireonline.com/movies/features/david-bowie-film/

 

David Bowie - Photo 8

Alguns dos seus mais emblemáticos temas

 

Alguns dos temas que criou para Cinema e que foram usados no Cinema

 

Temas do seu novo (e último) álbum

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s