Amigas e Rivais (1997)

Amigas e Rivais  - Poster 1

Título Original – A Thousand Acres

 

Duas actrizes de excelência, muito bem acompanhadas por um elenco ao nível, num drama familiar (e rural).

 

Rose e Genny são duas irmãs que dedicaram toda a vida ao pai e à quinta da família. Mas a chegada de irmã mais nova, Caroline, vai despertar quezílias antigas.

A Thousand Acres - screenshot 1

Intenso e doloroso drama familiar, filiado nalgum do modelo de Tennessee Williams e no estilo clássico do género.

Conflitos familiares, de gerações, aliados à dureza da vida campestre.

Uma tragédia familiar provocada por ódios velhos, segredos profundos, rivalidades antigas, paixões desmedidas e… um punhado de terra.

A THOUSAND ACRES, Jennifer Jason Leigh, Jason Robards, 1997, ©Touchstone Pictures

Fica só a sensação (e informações sobre os bastidores assim o confirmam) que ficou muita coisa fora da montagem final, o que explicaria melhor certas situações, bem como a entrada e saída (brusca) de alguns personagens.

 

Michelle Pfeiffer e Jessica Lange dominam com toda a sua garra emotiva (atenção à cena final entre ambas).

O excelente elenco acompanha-os muito bem.

A Thousand Acres - screenshot 4

Excelente fotografia (do veterano Tak Fujimoto).

 

Muito bom.

 

“A Thousand Acres” tem edição portuguesa e anda a preço “lavrado”.

A Thousand Acres - screenshot 2

Realizadora: Jocelyn Moorhouse

Argumentista: Laura Jones, a partir do livro de Jane Smiley

Elenco: Michelle Pfeiffer, Jessica Lange, Jennifer Jason Leigh, Jason Robards, Colin Firth, Keith Carradine, Kevin Anderson, Pat Hingle, Michelle Williams, Elizabeth Moss

 

Orçamento – 23 milhões de Dólares

Bilheteira – cerca de 8 milhões (USA)

 

Trailer

A Thousand Acres - screenshot 5

Jessica Lange esteve nomeada para “Melhor Actriz – Drama”, nos Globos de Ouro 1998. Judi Dench venceu, por “Mrs. Brown”.

“Melhor(es) Actriz(es)” (Michelle Pfeiffer, Jessica Lange, Jennifer Jason Leigh), no Festival de Verona Love Screens 1999.

A Thousand Acres - bookcover 1

Inspirado, livremente, na peça “King Lear” de Shakespeare.

O livro de Jane Smiley venceu um Pulitzer e um prémio do National Book Critics Circle.

Ginny, Rose e Caroline são os nomes das três irmãs protagonistas. Na peça de Shakespeare, elas chamam-se Goneril, Regan e Cordelia.

Foram precisos 5 anos de trabalho para conseguir avançar com a produção do filme.

Michelle Pfeiffer, co-produtora do filme, queria Paul Newman (no personagem que seria entregue a Jason Robards), mas ele recusou.

Michelle andou por diversos talk shows para promover o filme, algo que ela já evitava desde os 80s.

Michelle afirmaria, anos mais tarde, que não estava contente com o seu trabalho interpretativo neste filme.

Jessica teve várias discussões com os produtores, devido às permanentes re-edições do filme. Depois da estreia, Jessica afirmou que só a performance dos actores é que se salvava do filme.

Durante a produção do filme, Jessica andou envolvida na produção de “Cheri”. Mas tudo ficou cancelado até uns anos depois Stephen Frears o retomar. A protagonista seria… Michelle Pfeiffer.

Os extras do filme assinaram um contrato em que se comprometiam em não tentar aproximar-se ou falar com Michelle e Jessica.

 

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s