O Vale da Honra (1965)

O Vale da Honra - Poster 2

 

Título Original – Shenandoah

 

Jimmy Stewart já mais velhinho, em defesa da sua família em tempos de guerra.

 

Shenandoah, Virginia. Na quinta dos Anderson, Charlie Anderson, viúvo, vive com os seus seis filhos, a filha e uma nora. Os tempos são de guerra civil, mas Charlie tem conseguido manter-se longe do conflito, protegendo a sua prole. Mas a guerra vai abalar os Anderson. A filha Jennie casa com um oficial Confederado, que parte para a frente logo na noite de núpcias. Boy, o petiz da família, é confundido por um Johnny Reb e é preso por uma patrulha do Norte. Na companhia de quatro filhos e da filha, Charlie parte em busca de Boy. Mas as consequências serão trágicas para todos.

 

Shenandoah - screenshot 10

 

Menos western e mais drama familiar, o filme assenta no dilema, drama e até tragédia de um homem, líder de família, em manter-se, e os seus, longe de um conflito.

Na verdade, “Shenandoah” acaba por ser um (belo) filme sobre as consequências da guerra numa família, resultando num filme pacifista e anti-guerra.

 

Shenandoah - screenshot 6

 

James Stewart já tinha a idade adequada para o personagem e interpreta-o com o seu habitual carisma, sabendo carregar na adequada componente heróica e sentimental e com o devido quiet all-american spirit.

Jimmy aparece ao lado de um jovem e capaz elenco, que se porta ao mesmo nível.

 

O veterano Andrew V. McLaglen dirige com eficácia.

 

Muito recomendável.

 

Um bom antepassado a “The Patriot” (o com Mel Gibson).

 

“Shenandoah” tem edição portuguesa e anda a preço “honrado”.

 

Shenandoah - screenshot 1

 

Realizador: Andrew V. McLaglen

Argumentista: James Lee Barrett

Elenco: James Stewart, Doug McClure, Glenn Corbett, Patrick Wayne, Rosemary Forsyth, Katharine Ross, Paul Fix, Denver Pyle, George Kennedy, James Best

 

Bilheteira – 17 milhões de Dólares (USA)

 

Shenandoah - screenshot 5

 

Trailer –

 

Shenandoah - screenshot 4

 

Títulos provisórios – “Fields of Honor” e “Shenandoah Crossing”.

É o primeiro filme de Katherine Ross e de Rosemary Forsyth.

Filmado no Oregon.

O filme bateu recordes de bilheteira na Virginia.

As cenas iniciais (de batalha) são retiradas de “Raintree County”. Essas cenas seriam reutilizadas noutros filmes.

Na época, James Stewart era um General da Força Aérea, já na reserva. Jimmy tinha combatido na Segunda Guerra Mundial (como piloto bombardeiro e como squadron commander) e tinha sido condecorado.

O filme estreia numa altura em que já decorre o conflito no Vietnam e houve quem visse no filme um “recado” para tal conflito e a participação dos USA. Stewart chegou a fazer vários voos pelo país asiático, mas em missões de observação. Curiosamente, alguns anos depois, Stewart perderia um filho nesse conflito, morto em combate.

O filme deu origem a um musical. Foi em 1975 e seria protagonizado por John Cullum. Foi um enorme sucesso e recebeu nomeações para os Tony (Cullum chegou a ganhar para “Melhor Actor”).

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s