O Segredo da Porta Fechada (1947)

O Segredo da Porta Fechada  - Poster 5

Título Original – Secret Beyond the Door…

 

Fritz Lang nunca foi rival para Hitchcock.

Mas com este filme quase que consegue tal feito.

 

Celia parece ter encontrado o homem dos seus sonhos em Mark, um sofisticado e erudito arquitecto.

Mas Mark revela-se uma pessoa perturbada com algo.

O regresso a casa traz a Celia muitas dúvidas, surpresas e medos. Até porque Mark pode ter sido o responsável pela morte da sua esposa anterior.

Será Celia a próxima vítima?

Secret Beyond the Door - screenshot 5

Este bem pode ser o “´Rebecca` by Fritz Lang”. Ou até mesmo o seu “Suspicion”.

É um muito bem conseguido suspense psicológico, à volta da suspeita, do medo e da paranóia, no seio matrimonial, onde se cria uma permanente tensão e dúvida sobre o que se passa (ou julga-se ter passado) e sobre quem é quem.

Secret Beyond the Door - screenshot 6

Fabuloso trabalho de fotografia, que dá o tom adequado ao filme.

(atenção à cena da visita ao quarto fechado e à “conclusão”)

Atmosférica música do grande Mklos Rozsa.

Secret Beyond the Door - screenshot 10

Joan Bennett está muito bem como uma mulher permanentemente assolada pelo medo, mas sempre motivada pelo Amor.

Michael Redgrave é frequentemente inquietante.

Secret Beyond the Door - screenshot 13

Fritz Lang dirige com mestria, conseguindo uma boa tensão, seja a nível psicológico, seja nos eventos.

Perdoa-se a simplicidade da explicação psicanalítica.

 

Um pequeno clássico.

 

“Secret Beyond the Door…” tem edição portuguesa e o seu preço já andou bem “aberto”.

Secret Beyond the Door - screenshot 11

Realizador: Fritz Lang

Argumentista: Silvia Richards, Rufus King

Elenco: Joan Bennett, Michael Redgrave, Anne Revere, Barbara O’Neil

 

Orçamento – 615.000 Dólares

Secret Beyond the Door - screenshot 14

Clips

http://www.tcm.com/mediaroom/video/350089/Secret-Beyond-The-Door-Movie-Clip-The-Meaning-Of-Dreams.html

Secret Beyond the Door - screenshot 12

Fritz Lang nunca escondeu que este filme seria o seu “Rebecca” (este filme de Hitchcock e o filme de Lang têm grandes semelhanças narrativas e visuais). Mas tudo lhe correu mal. O orçamento disparou, as filmagens alongaram-se, as críticas na Premiére foram desastrosas.

A “floresta” por onde corre Joan Bennett num momento do filme é o mesmo set do filme “Wolf Man”.

É o primeiro filme americano de Michael Redgrave.

Numa cena, o personagem de Redgrave conta as histórias que ocorreram em três quartos. Apesar de serem todas histórias fictícias, há um fundo de verdade numa delas – a que faz referência ao massacre do dia de S. Bartolomeu, numa confrontação entre Católicos e Protestantes.

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s