O Jogo da Imitação (2014)

O Jogo da Imitação  - Poster 4

Título Original – The Imitation Game

 

A habitual british intelligence a ilustrar a vida e obra de um homem notável e decisivo na mudança de rumo de um terrível momento da Humanidade durante o Século XX.

 

Inglaterra, 1939. A guerra com a Alemanha já começou.

As força de Sua Majestade andam a sofrer grandes baixas pelos nazis, principalmente nos comboios do Atlântico Norte. O problema está no Enigma, o misterioso código de comunicações entre os nazis.

Alan Turing, prestigiado e genial matemático, oferece os seus préstimos aos serviços de criptografia.

Turing e a sua equipa têm tempo limite para desencriptar o dito código e ajudar num rumo favorável a Inglaterra e às suas tropas.

Cumberbatch Knightley film set

Alan Turing.

Um nome a memorizar, valorizar e agradecer.

Turing é o principal “culpado” por hoje não estarmos a falar alemão, vivermos numa colónia nazi e termos Berlim como capital (da Europa ou mesmo do mundo).

 

Se outros méritos não tivesse, “The Imitation Game” seria um (bom) reminder do quanto(s) Thank You (very much) o mundo (livre) deve dar a Turing.

_TIG2075.NEF

Mas o filme tem (muito) mais.

Estamos perante um poderoso e envolvente filme, que nos apresenta um génio (eventualmente egoísta, egocêntrico, excêntrico, arrogante e superior aos mortais “normais”) na demonstração da sua genialidade, na criação de uma salvação para a Humanidade, mas também na sua luta (interior e social) entre o racional e o emocional, a lógica e o sentimento, a descoberta do seu lugar no mundo, a procura pela sua valorização, o como viver, lidar, conviver, aceitar e ser aceite pelos outros.

 

Mas é também um “documentário” sobre todo o processo de descodificação do código nazi e a urgência da solução, sendo bem detalhado no acompanhamento e desenvolvimento dos eventos, atento aos personagens, as suas motivações, emoções e relações, convidando até o espectador a reflectir sobre razão e emoção (o momento em que o código é descoberto e as decisões que se tomam).

The Imitation Game - screenshot 3

É certo que não há grande suspense face ao desenlace (já sabemos que o código foi desencriptado, tal mudou o rumo da guerra, Inglaterra ganhou e a Alemanha perdeu).

Mas não se pense que por causa disso, o filme perde capacidade de cativar.

O filme envolve imensamente o espectador, tanto pela personalidade de Turing e pelos seus métodos, como pelo desenrolar do processo de desencriptação, pela urgência da situação e pela expectativa sobre como é que o código vai ser desbloqueado.

Sendo um spy thriller à maneira clássica, a história também mostra um jogo de gato e rato à volta de um espião duplo infiltrado na equipa.

_TFJ0226.NEF

Muito do mérito na (enorme) capacidade de entretenimento do filme está na (excelente) realização de Morten Tyldum, que dirige com grande eficácia, elegância, classicismo e ritmo sempre cativante. O filme salta sempre entre presente, passado e mais que passado, mas o espectador nunca fica perdido perante o que se está a passar.

 

Benedict Cumberbatch está absolutamente extraordinário, ao compor um homem genial, mas cheio de mistérios e lutas interiores. Cumberbatch confirma-se assim como o melhor actor britânico (ou mesmo mundial) da sua geração, sendo, provavelmente, o melhor actor do mundo na actualidade.

O restante (e óptimo) elenco está ao mesmo nível de qualidade.

 

Como sempre nestas coisas Made in UK, assiste-se a um exímio trabalho nos campos técnicos, com a british excellence a vir ao de cima – fotografia, cenografia, guarda-roupa, recriação de ambiente, tudo está em estado de excelência.

 

Óptima banda sonora do grande Alexandre Desplat, que bem pode ser eleito como o melhor film composer da actualidade.

THE IMITATION GAME

“The Imitation Game” funciona (muito bem) como (óptimo) entretenimento no campo do spy thriller. Mas é também um tributo a um homem notável (ainda que de feitio difícil) que muito fez pela Liberdade.

Uma excelente forma de o (re)descobrirmos, de o (re)valorizarmos e agradecer-lhe pelo pedaço de mundo livre que hoje (ainda) temos.

 

Um dos melhores títulos de 2015.

Absolutamente obrigatório.

THE IMITATION GAME

Realizador: Morten Tyldum

Argumentista: Graham Moore, a partir do livro de Andrew Hodges

Elenco: Benedict Cumberbatch, Keira Knightley, Matthew Goode, Rory Kinnear, Allen Leech, Peter Hilton, Charles Dance, Mark Strong, Tuppence Middleton

 

Site – http://theimitationgamemovie.com

 

Orçamento – 14 milhões de Dólares

Bilheteira (até agora) – 60 (USA); 110 (mundial)

Alan Turing - Photo 2

Sobre Alan Turing

http://www.turing.org.uk/

http://www.alanturing.net/

http://www.bbc.com/news/science-environment-18561092

http://www.biography.com/people/alan-turing-9512017

http://www.theguardian.com/science/alan-turing

http://www.newyorker.com/magazine/2006/02/06/code-breaker

http://www.britannica.com/EBchecked/topic/609739/Alan-Turing

 

The Enigma Machine - Photo 1

Sobre a operação Enigma

http://www.ellsbury.com/enigma1.htm

http://www.mlb.co.jp/linux/science/genigma/enigma-referat/node4.html

http://enigma.louisedade.co.uk/howitworks.html

http://archive.iwm.org.uk/upload/package/10/enigma/enigma12.htm

http://ciphermachines.com/enigma

http://www.bbc.co.uk/history/worldwars/wwtwo/enigma_01.shtml

http://w1tp.com/enigma/mewirg.htm

http://www.2worldwar2.com/enigma.htm

http://www.cryptomuseum.com/crypto/enigma/working.htm

http://www.turing.org.uk/scrapbook/ww2.html

http://operationturing.tumblr.com/Enigma

http://jproc.ca/crypto/enigma.html

http://info-poland.buffalo.edu/web/history/WWII/enigma/Kozaczuk.html

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s