Sin City: A Dame to Kill For – Sin City: Mulher Fatal (2014)

Sin City 2 - Poster 5

A saga mais pecaminosa do Cinema está de volta.

Ainda mais pecaminosa, tentadora, estilizada, imoral, violenta e excitante.

Sin City 2 - screenshot 1

Regressamos a Basin City (Sin City, para os “amigos”).

Mais uma vez, acompanhámos quatro histórias sobre alguns dos “pecadores” da cidade. Quatro histórias que se cruzam, entre a prequela e a sequela.

 

Just Another Saturday Night

Prequela a um episódio do filme anterior – “The Hard Goodbye”.

Sin City 2 - Mickey Rourke - screenshot 4

Marv (Mickey Rourke) é o protagonista.

Após uma noite de copos, Marv procura ir para casa para descansar, mas a zona está a ser incomodada por uns universitários, filhos dos ricalhaços da cidade, que só causam distúrbios. Marv vai-lhes dar uma lição de boas maneiras, com a ajuda de umas beldades locais.

 

A Dame to Kill For

Outra prequela a um episódio do filme anterior – “The Big Fat Kill”.

Sin City 2 - Eva Green e Josh Brolin - screenshot 1

Dwight (agora com o rosto de Josh Brolin) é o protagonista.

Dwight é contratado por uma mulher (Eva Green bem fatalissimissimissimissimi…), vítima de violência no seu casamento.

Mas Dwight vai descobrir que está a ser o scapegoat de uma conspiração movida por uma old flame, uma verdadeira Dame to kill for.

 

The Long, Bad Night

Outra prequela de um episódio do filme anterior – “That Yellow Bastard”.

Sin City 2 - Joseph Gordon-Levitt - screenshot 3

Envolve um jovem jogador, Johnny (um trágico Joseph Gordon-Levitt), que chega à cidade para querer derrotar, ao jogo, o Senador Rourke (responsável pelos eventos violentos e trágicos do episódio anterior).

 

Nancy’s Last Dance

A única sequela de um episódio do filme anterior – “That Yellow Bastard”.

Sin City 2 - Jessica Alba e Bruce Willis - screenshot 1

Depois dos eventos vistos nesse episódio, Nancy (Jessica Alba, agora mais aguerrida) está quase um farrapo humano. Vale-lhe a ajuda de Marv e o desejo de vingança sobre o Senador Rourke.

 

Sin City 2 - Jamie Chung - screenshot 1

O primeiro filme marcou pontos pela abordagem estética na adaptação de uma graphic novel muito vincada nos aspectos estético e (i)moral.

Esta continuação continua na mesma onda e faz o que uma (boa) sequela deve fazer. Ou seja, “mais do mesmo”.

Rodriguez não quer (nem procura) inovar. Limita-se (e bem) a gerir (e muito bem) a fórmula (estética e narrativa) do filme original.

Com um forte grafismo a P&B, muito estilizado e (intencionalmente) exagerado, o filme volta a sair-se bem na “verbalização cinematográfica” das pranchas de Frank Miller.

Há uma boa homenagem à estética do film noir, com (aceitáveis) exageros no campo da fantasia, da ilógica física e do extremismo da violência.

Mais bem arranjadinha está a forma como Rodriguez une as histórias, conseguindo também que personagens saltem de uma(s) para outra(s), de forma muito coerente.

 

O filme ressente-se da substituição de Clive Owen por Josh Brolin. Brolin tem presença, mas apresenta uma brutalidade desnecessária. O argumento, os diálogos e a presença de Eva Green exigiam a sexualidade e virilidade clássica de Owen.

Por outro lado, lamenta-se o desperdício de algumas da meninas (Jamie Chung, Jaime King, Juno Temple e Lady Gaga) e a forma como quase todas (com excepção de Eva) “passeiam” como se estivessem numa passerelle, com pouco tempo de antena.

Sin City 2 - Eva Green - screnshot 3

O elenco é grandioso, mas quem domina são Powers Booth (pecaminosamente tenebroso) e um Mickey Rourke (pecaminosamente heróico e brutal).

Mas…

Quem esmaga o filme e se apodera do coração (e outros órgãos) do espectador (e todos os homens que se metem no seu caminho) é, obviamente…

Eva Green.

Eva É A verdadeira Eva para as Femmes Fatales e as Dames to kill for. Sempre que a vemos em cena, Eva provoca arrepios de medo e excitação. E depois há aquele seu uso de voz e olhar em que Eva não tem rival.

Sin City 2 - Eva Green - screnshot 1

“Sin City 2” é um verdadeiro, divertido e pecaminoso guilty pleasure para quem o souber usufruir e saborear.

Pequemos (novamente), senhores.

(sim, isto continua a ser um guilty pleasure bem masculino)

Sin City 2 - Eva Green e Josh Brolin - scrrenshot 2

Sin City 2 - Jessica Alba - screenshot 1

Sin City 2 - Rosario Dawson - screenshot 1

Realizadores: Robert Rodriguez, Frank Miller

Argumentista: Frank Miller

Elenco: Eva Green, Mickey Rourke, Jessica Alba, Josh Brolin, Joseph Gordon-Levitt, Rosario Dawson, Bruce Willis, Powers Boothe, Dennis Haysbert, Ray Liotta, Jeremy Piven, Christopher Lloyd, Jaime King, Juno Temple, Lady Gaga, Alexa Penavega, Julia Garner

 

Orçamento – entre 60 e 70 milhões de Dólares.

Bilheteira – 11 (USA); 16 (mundiais); até agora.

 

Site – http://sincity-2.com/

 

Sin City 2 - Eva Green - screnshot 2

Cameos de Rodriguez e Miller – os personagens que surgem na televisão.

 

“Sin City” – as Graphic Novels

http://www.barnesandnoble.com/s/?series_id=214148

 

Sobre Frank Miller

http://frankmillerink.com/

http://moebiusgraphics.com/

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s