O Homem Solitário (1955)

A Man Alone - Poster 1

 

Título original – A Man Alone

 

Um título vindo dos bons tempos da Republic Pictures (ahhh, a glória da Série B…!!!)

Ray Milland é o (inesperado) protagonista (quem diria, o Ray metido em coboiadas), que também assina a realização.

 

Wesley Steele chega a uma isolada e algo tenebrosa povoação.

Só, cansado e sem mantimentos, Steele procura abrigo mas é logo hostilizado por um agente da Lei. Defende-se, ferindo o agente, e em fuga acaba por saber alguns contornos que envolvem o brutal assassinato dos passageiros de uma diligência que encontrou pelo caminho.

Steele encontra refúgio na casa do xerife e da sua filha. Steele obriga-os a darem-lhe asilo, mas também tem de se esforçar por provar a sua inocência.

É que o cerco à casa está a apertar.

A Man Alone - lobbycard 1

A Man Alone - lobbycard 2

A Man Alone - screenshot 2

A Man Alone - screenshot 3

A Man Alone - screenshot 6

Entre o western clássico (pistoleiro em fuga, cidade sem Lei, um nada escrupuloso homem de negócios a liderar o rumo da cidade), o thriller conspirativo (o porquê do assassinato) e até uns laivos de film noir (tudo passado de noite, tudo escuro, protagonista com passado obscuro, cidade corrupta, poderosos sujos a usar o seu poder para destruição de inocentes), Milland assina um título simpático, minimalista (a acção passa-se quase toda no mesmo espaço; número reduzido de personagens e eventos; Milland só trava um diálogo ao fim de 30 minutos), em boa sintonia com o género Made in Serie B.

A Man Alone - screenshot 5

A Man Alone - screenshot 4

A Man Alone - screenshot 7

A Man Alone - screenshot 9

A Man Alone - screenshot 8

A Man Alone - screenshot 1

Ray Milland sai-se bem como cowboy e revela eficácia e competência como realizador (o uso das sombras, o uso do espaço da casa).

À sua volta, um bom elenco.

Mary Murphy muito expressiva no seu olhar. Ward Bond com a sua habitual segurança. Lee Van Cleef nos seus primeiros tempos a bem como mauzão. Raymond Burr muito bem como um sinistro vilão.

A Man Alone - screenshot 11

A Man Alone - screenshot 12

A Man Alone - lobbycard 3

Nada de extraordinário, mas bom entretenimento.

E dá sempre gosto ver o good old Ray.

 

“A Man Alone” é inédito em Portugal, no mercado doméstico. Só com métodos “fora-da-lei” se consegue obter.

 

A Man Alone - screenshot 13

Realizador: Ray Milland (assina como R. Milland)

Argumentistas: John Tucker Battle, Mort Briskin

Elenco: Ray Milland, Mary Murphy, Ward Bond, Raymond Burr, Lee Van Cleef, Alan Hale Jr.

 

A Man Alone - Poster 2

É o primeiro filme de Ray Milland como realizador. Mais tarde ele faria os muito entretidos “Lisbon” e “Panic in the Year Zero”.

A Man Alone - Poster 3

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s