Casino Royale (1954)

Casino Royale - 1954 - Poster 1

Não sei se sabem, mas muito antes da rábula de “Casino Royale” e da estreia de Sean Connery como o primeiro James Bond (em “Dr.No”, 1962), 007 teve a sua estreia em televisão.

Barry Nelson é que foi o primeiro James Bond (ainda que americano, com ar de tough).

 

James Bond chega ao Casino Royale e descobre (por via de Clarence Leiter, agente do MI5 – ainda que com sotaque americano; nos filmes nos livros, Leiter é da CIA e chama-se Felix) que tem por missão jogar e derrotar Le Chiffre, um tenebroso milionário ligado ao crime e ao terrorismo. Bond encontra também uma old flame (Valérie Mathis), que agora acompanha o vilão. Bond segue para jogo, triunfa, mas Le Chiffre joga uma cartada final – rapta Valérie e tortura Bond, no sentido de recuperar o dinheiro. Irá Valérie ajudar Bond ou aliar-se a Le Chiffre?

Casino Royale - 1954 - Barry Nelson

Barry Nelson não se sai mal, ao compor um Bond com ares de american tough guy (até lhe chamam Jimmy), jogador mas cioso do dever. Linda Christian dá o adequado charme feminino e mistério à sua personagem (misto de dois personagens do livro, Vesper Lynd – a Bond Girl, que se revela a grande amada de Bond mas também lhe dá uma grande traição – e René Mathis – o agente francês que ajuda Bond na missão). Quem se diverte à brava é Peter Lorre, a compor um vilão à altura do seu estilo e talento (cínico, bonacheirão, pérfido, mortal).

Casino Royale - 1954 - Linda Christian

Com 50 minutos de duração, “Casino Royale” segue (e nada de mal há nisso) as matrizes televisivas e teatrais das produções da época. Eficácia e entretenimento, mas sem grandes rasgos no campo da escrita, interpretação ou realização, estando longe da qualidade do romance de Ian Fleming, da rábula de 1967 e da (fabulosa) adaptação (séria) feita em 2006 (que foi a estreia de Daniel Craig como James Bond, verdadeiro reboot da saga e A referência definitiva sobre como fazer um grande James Bond Film).

A descoberta é justificada.

Casino Royale - 1954 - Peter Lorre

O filme

Uma apreciação:

A CBS (canal que emitiu e produziu este telefilme) tentou seduzir Fleming para uma série televisiva dedicada a 007. Seria uma série com um total de 32 episódios, ao longo de dois anos. Mas nada se concretizou, apesar de Fleming ter escrito meia-dúzia de histórias, criadas de propósito para a série.

Este telefilme faz parte dos extras da edição americana do DVD de “Casino Royale” (1967).

Nelson sempre se sentiu insatisfeito pela forma como o seu personagem foi escrito no argumento. Nelson aceitou participar devido ao facto de contracenar com Lorre, de quem era grande fã.

O telefilme foi um fracasso de audiência.

O telefilme foi descoberto em 1981.

Casino Royale - 1954 - Poster 2

007 Magazine – http://www.007magazine.co.uk/

James Bond – http://www.007.com/

James Bond Movies – http://www.bondmovies.net/

Fan Site – http://commanderbond.net/

Sobre Ian Fleming – http://www.ianfleming.com/

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s